Importância do Projeto Hidráulico e sua compatibilização com o Projeto Estrutural

Vigas e tubulações hidráulicas se chocando na execução de obra, eletrodutos mau posicionados, pontos de luz e tomadas se coincidindo... Todos esses problemas causam retrabalho, atrasos na obra e prejuízo de tempo e dinheiro para o cliente final.

A compatibilização de projetos existe justamente para evitar e identificar com antecedência esses tipos de falhas que podem ocorrer em um projeto, sendo muito mais fácil de ser resolvido antes do problema surgir na obra.

Sempre batemos o martelo de quanto os projetos são importantes para dar andamento em uma construção, porém a compatibilização também faz parte desse processo e é tão importante quanto, pois, é nessa etapa que os projetos são analisados, seja o projeto estrutural, arquitetônico, hidráulico, sanitário, elétrico, climatização, automação e todos os demais projetos existentes que possam ter em uma obra. Sendo assim é possível antecipar e até mesmo eliminar as possíveis interferências que podem ocorrer na obra.

É como se os projetos fossem sobrepostos, com o objetivo de encontrar falhas que possam interferir no andamento da execução, além disso acaba sendo um trabalho multidisciplinar, pois todos os envolvidos nos projetos (arquitetos e engenheiros) acabam verificando as possíveis interferências que podem surgir ali, ou seja, realizando uma boa compatibilização de projetos ocorre uma integração de todos os sistemas, reduzindo os possíveis problemas que podem vir a surgir futuramente, gerando economia e até mesmo eliminando os possíveis atrasos que possam vir a ocorrer durante a execução.